Monday, March 17, 2008

Artigo V - Sinta a presença de deus e vá para o Inferno

Texto Base: ROGO-VOS, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. Rm. 12.1



Choro, risos, gritos, convulsões, desmaios... sentir a presença de Deus para muitos na presente geração está intimamente relacionado a um choque brutal das emoções. Várias unções estranhas estão sendo lançadas no mercado gospel como produtos em série, adequadas a cada perfil de consumidor. Se vc gosta de comédia pode ter receber a "unção do Riso", se tem uma queda por bichinhos de estimação, seria mais apropriado pedir a "unção dos Seres Viventes" (recomenda-se precaução, já q vc pode ser achado andando de 4 por aí).

Sentir a "presença" de Deus se tornou condição necessária para um culto sincero ao Senhor. A manifestação do Espírito de Deus para alguns só é real qdo é possível sentí-la com o corpo e com a alma. Se de alguma forma a presença de Deus não é sentida há algo errado. A sua vida pode estar afundada no pecado, ou Deus pode realmente ter esquecido de aparecer. Esta é uma geração de crentes viciados. Trocaram o vício do álcool, das drogas, do sexo, etc, pelo vício da emoção do "espírito de Gzuz". É evidente q para estar na presença de um deus, não é assim tão fácil. São necessários alguns rituais. Embalados por músicas repetitivas e mantras intermináveis esta geração enganada se deixa levar por um emocionalismo barato, técnicas psicológicas (para não dizer teatrais) e vozes chorosas clamando o nome de Gzuz. Até q todos finalmente embriagados pelos acordes exaustivamente repetidos e clamores de vozes descontroladas entram em um transe coletivo e têm suas emoções tocadas pelo espírito de Gzuz.

Os adoradores de Gzuz não se importam com a Bíblia e muito menos com as promessas de Jesus não palpáveis. Eles querem sentir, tocar, experimentar, ver. Mas não aprenderam as conjugações dos verbos aprender, viver, servir, confiar. Eles querem um Gzuz q é euforia. Um deus para tocar.

No entanto Jesus quer um culto racional. Quer q seus adoradores entendem a natureza da fé. Ele quer um povo q raciocine, quer uma adoração consciente ele quer o q Paulo nomeia "Culto racional". Evidentemente, Deus é SOBERANO. Ele toca em todas as esferas do ser-humano, corpo, alma (sede das emoções, vontades e fôlego de vida) e, por excelência nosso espírito. Nenhum verdadeiro crente pode questionar q Deus tb age e toca nas emoções de variadas formas. Mas tenho profundas dúvidas se Ele deveria fazer isso todo culto do mesma forma. Sentir a presença de Deus não é condição para q Deus , de fato, se faça presente. Ele jamais prometeu q nós o sentíramos "em nossos corações" em toda reunião. Mas nos prometeu q estaria conosco até a consumação dos séculos. Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém.Mt 28.20 Se a palavra do meu Senhor garante q Ele vai estar conosco até a consumação dos séculos, mesmo q jamais venhamos a sentí-Lo em nossas emoções, é motivo suficiente para eu jamais duvidar. Deus não mente.

O problema deste movimento de "engorda" da alma em nossas celebrações não pára nos absurdos das manifestações supracitadas. Para nossa felicidade, ou não, existem crentes fiéis no meio deste engodo do Diabo que passaram a acreditar, conscientemente ou não, q é preciso "tocar" em Jesus, sentí-Lo como chancela da real presença Dele nas suas vidas. Este movimento cria então dois grupos: o primeiro de crentes doentes, enlouquecidos por não "sentirem" a presença de Deus sempre, q acham q estão em pecado ou de alguma forma desagradando ao Pai. Se sentem crentes de de segunda classe e portanto têm medo de se envolverem mais profundamente com o Reino pois sentem-se vazios de Deus e de sua autoridade. O segundo grupo de pessoas q seguem a Gzuz, perseguindo experiência atrás de experiência, estes são os patrocinadores do movimento, garantem sentir a "presença de Deus" e afirmam q aqueles q não sentem e não manifestam adequadamente (exemplos na primeira frase deste texto) estão vazios de Deus ou jamais se converteram. Estes são os que sentem a presença de deus e vão para o inferno.

2 Comments:

At 3:15 PM, Blogger Leandro said...

Fala aee Caio... é o Leandro.. kra eu comcordo Plenamente com vc....
para quem quiser alguma prova em video.. vá no You tube e procure por "desmascarando Gideões" e Caio eu so acho q o artigo acabou subtamente...
poderia aprofundar-se um pouco mais nesse artigo que é uma gande verdade e uma triste realidade na comunidade cristã de hj em dia...

 
At 9:50 AM, Anonymous Analía said...

OLA gostei muito do seu comentario num blog q fala da tal espada de davi vendida pela renascer. Que Deus te abençõe....

 

Post a Comment

<< Home